Desde sempre lembro-me viajando em imagens. Primeiro elas fugiram de meu olhar interno e se faziam ver mergulhadas em papel e cores. Depois vieram as palavras e a inspiração dos sonhos, pois foi a realidade que, muitas vezes, trouxe os pesadelos. Em busca de organizar este mundo interior surgiu a Ilha.União de idéias e sonhos, asas que herdei. Apresento-a em pequenos trechos e peço que questionem, perguntem muito para que ela possa tornar-se mais rica e interessante, lugar melhor pra viver.

3.5.15

Atmosfera





Acabara de assistir um filme de suspense e sabia que teria dificuldade para dormir sozinha naquela noite.  andava bastante impressionada e medrosa, mas não imaginava que o filme fosse ser forte e nem que estivesse tão sensível.
Não era tarde e estava perto de casa. Apressou o passo e pareceu ouvir alguém também apressado em seu encalço. -Tolice, pensou, estou me deixando levar pelo medo.
Quando percebeu estava quase correndo, contando o tempo que faltava para chegar. Os passos continuavam a bater sobre a calçada até que virou a esquina e achou que o som havia parado. Faltavam poucos metros até a entrada do prédio quando tropeçou e torceu o . Embora a dor, continuou rápida e voltou a ouvir alguém bem próximo. O pânico tomava conta dela quando sentiu um toque sobre seu ombro. Desmaiou e bateu com a cabeça no chão antes de ver o rapaz que, gentilmente, tentava lhe entregar os documentos esquecidos na cadeira do cinema.

28-04-2015

2 Comments:

Blogger Eduardo Oliveira said...

Suspense até o final! Gostei!

10:14 PM

 
Blogger Angela said...

Obrigada Dudu! Também gostei de escrever! :D

4:34 PM

 

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home